18.03.2019 às 08:53

MRS e Tora apostam na rota RJ-SP para alavancar o transporte de carga via ferrovia

Novo serviço quebra três paradigmas: mostra que a ferrovia serve para qualquer tipo de carga, pequenos volumes e curtas distâncias 

Não é preciso dizer que a diversificação de modais na logística de qualquer empresa é fundamental para a garantia da eficiência. E por que não usar a ferrovia para o transporte de cargas variadas entre Rio de Janeiro e São Paulo? Pensando nisso, MRS e Tora firmaram uma parceria com o objetivo de impulsionar o uso da multimodalidade na rota RJ-SP.

Por MRS
08.02.2019 às 17:44

20 anos de empresa e… padrão

Com passagens por diferentes áreas e atuação direta em importantes projetos, Guilherme Schmidt vai concorrer a prêmio da Revista Ferroviária

Guilherme Augusto Schmidt Da Silva, 48 anos, consultor ferroviário da Gerência Geral de Engenharia de Transportes da MRS Logística. Em 2019, esse é o indicado da diretoria ao prêmio Ferroviário Padrão de Carga, entregue anualmente pela Revista Ferroviária como homenagem a profissionais que fizeram – e fazem – a diferença para o setor.

Atualmente morador de Juiz de Fora (MG), Guilherme iniciou sua carreira ferroviária em outubro de 1997, apenas dez meses depois do início da concessão da MRS. Guilherme não, Schmidt. Schmidt é como o ferroviário é conhecido, não só nos corredores do prédio administrativo, mas também no trecho, onde está sempre presente, acompanhando e ajudando a construir a história da ferrovia nacional.

Schmidt participou diretamente de importantes conquistas da empresa, por exemplo, a construção dos postos de abastecimento do P1-07 (MG) e de Santa Rosa (RJ), da Oficina de Locomotivas do P1-07 (MG), de 12 pátios na Ferrovia do Aço e de duplicações do Ramal Guaíba e da já mencionada Ferrovia do Aço. São 20 anos de trabalho dedicados ao setor ferroviário, aprendendo um pouco a cada dia e procurando, sempre que possível, compartilhar os conhecimentos adquiridos com os colegas. Transmissão de conhecimento, inclusive, é uma das marcas registradas deste ícone da ferrovia, reconhecido publicamente por colegas de trabalho.

Com tanto tempo de MRS, Schmidt exerceu diversas funções, em diferentes áreas. Cargos como engenheiro de energia, especialista ferroviário, coordenador de produção, gerente de Pátios e Terminais e gerente de Operação de Trens demonstram o volume do conhecimento adquirido e a experiência vivida em meio a trilhos, dormentes, vagões, locomotivas e todos os outros elementos que compõem a ferrovia, tão bem conhecida e dominada por ele. Um ferroviário realmente padrão.

Manutenção de locomotivas, PCM, CCO, Pátios e Terminais e Engenharia de Operações são algumas das áreas com as quais já contribuiu o indicado da MRS ao prêmio de Ferroviário Padrão de Carga.

Obrigado, Schmidt, por toda a contribuição. Saiba que você nos representa. Você é padrão.

Por MRS
29.01.2019 às 09:35

Uma mensagem de solidariedade e apoio

Por MRS
16.01.2019 às 14:51

Balanço dos atropelamentos e abalroamentos na malha da MRS em 2018

Em 2018, número de acidentes envolvendo comunidades foi o mesmo de 2017 

Durante o ano de 2018 foram registrados 101 atropelamentos ou abalroamentos causa comunidade na linha férrea sob concessão da MRS, exatamente o mesmo número se comparado ao ano anterior. O resultado, apesar de muito bom em comparação a outros modais, é um alerta para pedestres e motoristas que atravessam a ferrovia, já que a imprudência continua sendo a principal causa e o maior obstáculo para a formação de uma cultura de segurança perante a linha férrea.

Por MRS
16.10.2018 às 17:52

Multitex amplia terminal e abre novas opções de transporte ferroviário em Barra Mansa

Agora empresas da região têm mais uma opção para transportar contêineres e produtos siderúrgicos pelos trens da MRS

Um terminal é um dos elementos mais importantes para que seja possível colocar em prática a intermodalidade: a chave para uma logística mais eficiente. Através de uma ampla reforma no Terminal de Floriano, distrito de Barra Mansa (RJ), a Multitex, em parceria com a MRS, disponibiliza agora uma nova opção para o transporte ferroviário de contêineres para as empresas da região Sul Fluminense.

Por MRS