03.07.2020 às 15:11

MRS é certificada como Operador Econômico Autorizado (OEA)

No Brasil, certificação é concedida pela Secretaria Especial da Receita Federal

Em junho, a MRS entrou para mais um seleto grupo, desta vez certificada como Operador Econômico Autorizado (OEA) pela Secretaria Especial da Receita Federal. No documento oficial, que faz da MRS a primeira ferrovia brasileira certificada, são apresentadas como justificativas a parceria estabelecida para proporcionar maior agilidade e previsibilidade ao fluxo de comércio exterior e a adoção de procedimentos em consonância aos critérios exigidos pelo Programa Brasileiro de Operador Econômico Autorizado.

A especialista da área de Importação Tatiana Morais explica que a certificação é concedida a operadores da cadeia logística internacional que demonstram capacidade de gerir riscos relacionados à segurança física das cargas e à conformidade tributária e aduaneira.

“O programa traz grandes benefícios para a empresa e reafirma o nosso compromisso com a segurança da cadeia logística e com a busca por inovações”, destaca. “A adesão ao programa é voluntária e a MRS iniciou este trabalho no início de 2019, com envolvimento de diversas áreas: o projeto foi liderado pelo time de Importação, em parceria com as demais equipes de Suprimentos, RH, TI, GSC, Auditoria, Finanças, Jurídico, Tributos e Contabilidade”, reforça.

Os operadores certificados pelo programa podem usufruir de benefícios relacionados à facilitação dos procedimentos aduaneiros, tanto no país quanto no exterior. Estes benefícios trazem agilidade à liberação das cargas e à comunicação direta com a Receita Federal, além da redução de custos com a operação.

Por MRS
02.07.2020 às 18:15

Vagões HTT em teste na operação MRS

Modelo HTT é específico para transporte de carga agrícola e será avaliado se é adequado para a operação dos clientes MRS

Os vagões para transporte de produtos agrícolas passaram por evoluções ao longo dos anos. Seus fabricantes que buscam oferecer produtos que permitam maior produtividade (transporte de mais volume numa única composição, por exemplo), segurança e que atendam aos padrões operacionais das ferrovias e dos clientes do setor agrícola.

Um dos modelos mais recentes para o segmento é o vagão HTT, já utilizado por algumas ferrovias brasileiras e desenvolvido pela GBMX (Greenbrier Maxion), uma das fabricantes de vagões que atuam no mercado nacional. A MRS e a GBMX fecharam um acordo para a realização de testes de vagão HTT pela concessionária, com o objetivo de verificar pontos diversos, entre eles como o vagão se adequa à operação nos terminais dos clientes. Atualmente, a MRS utiliza o modelo HPT.

As diferenças entre o HPT e o HTT parecem simples, mas representam ganhos significativos. Ambos transportam o mesmo volume de carga. No entanto, o HTT tem uma distância entre engates menor, um ganho entre 400 e 500 mm. Como resultado, isso permite, por exemplo, mais dois vagões numa composição, ou seja, são transportadas mais 200 toneladas, com a mesma equipagem e processos de liberação do transporte da carga.

“O vagão HTT já é usado no mercado e vamos testá-lo na operação MRS. É importante testar porque é preciso ver como ele se adequa à operação dos clientes. O teste permitirá, se o vagão for aprovado, que se façam adaptações sutis que atendam aos padrões MRS”, afirma o consultor ferroviário da MRS, Claudio Buchholz.

Por MRS
19.06.2020 às 17:39

Série audiovisual EnCantos de Minas retrata sete cidades históricas de MG

A MRS lança a série audiovisual “EnCantos de Minas”, que retrata a cultura, o cotidiano e as pessoas de sete cidades do estado de Minas Gerais por onde passa a nossa malha ferroviária. No primeiro vídeo da série, a personagem principal é a cidade “mais preciosa que o ouro”, a bela Itaverava.

A série EnCantos de Minas foi produzida com recursos da MRS após parceria firmada com o Ministério Público de Minas Gerais.

Por MRS
10.06.2020 às 15:00

Vídeo apresenta portfólio de programas ambientais da MRS

A MRS conta com um completo portfólio de programas ambientais. No mês de junho, período em que se comemora o Dia Mundial do Meio Ambiente, em 5 de junho, é importante relembrar alguns desses programas. São diversas ações, que ganham ainda mais relevância durante a pandemia do novo Coronavírus. Quer conhecer um pouco mais do trabalho? Assista ao vídeo especialmente preparado sobre o tema.

 

Por MRS
08.06.2020 às 09:40

Solidariedade: empresa conclui, em junho, doação de 15 mil cestas básicas e kits de higiene

Até o final de junho, a MRS terá distribuído mais de 15 mil cestas básicas e kits de higiene para moradores e instituições de 38 municípios onde a ferrovia está presente. A ação, uma das principais do pacote de iniciativas em combate aos efeitos do coronavírus, recebeu investimentos de R$ 1,35 milhão e mobilizou colaboradores de diversas áreas.

Entre os beneficiados pelas doações das cestas e kits, há pessoas, famílias e gestores públicos ou sociais que manifestam sua gratidão pela ação da MRS. Mais do que palavras, seus comentários mostram a diferença feita pela companhia num momento em que a solidariedade é necessária para superarmos os efeitos da pandemia.

Por MRS