13.07.2017 às 15:58

Volume de Carga Geral cresce no primeiro semestre do ano

23,1 milhões de toneladas foi o volume transportado pela MRS no segmento de Carga Geral no primeiro semestre deste ano, o que representa um aumento de 9,4% em relação ao mesmo período em 2016. O resultado, conquistado com o transporte de carga nas carteiras de siderurgia, agrícolas, construção civil, industrializados e granéis, é o melhor registrado desde 2013.

O aumento só foi possível devido ao incremento de 26,8% no volume de produtos siderúrgicos, 12,9% de cargas agrícolas e 10% de cargas industrializadas, contêineres e granéis, motivados pela prospecção de novos negócios, clientes e terminais. Segundo o gerente geral de Negócios – Siderurgia, Douglas Rettore, apesar do segmento siderúrgico ter sofrido queda no consumo interno nos últimos dois anos, gerando redução de vendas e de produção nas grandes indústrias do setor, a MRS superou as adversidades do período e buscou novas oportunidades de transporte que surgiram neste processo.

“Visando minimizar prejuízos financeiros e garantir a sobrevivência durante a crise, as empresas do setor realizaram profundas mudanças nas cadeias logística e de produção, como desligamento de altos-fornos, paradas de laminação e alteração nas matrizes de distribuição. Neste contexto, a MRS teve que se ajustar rapidamente aos impactos gerados e, com isso, foram implementadas novas rotas, melhorados processos internos e dos clientes, principalmente no transporte de placas de aço, gusa e mercado externo, que proporcionaram expressivo crescimento em relação ao ano de 2016”, explica.

Para conhecer nossas soluções logísticas, acesse: https://goo.gl/xPFJYr

Por MRS