Concluída readequação de área destinada a armazenamento de produtos químicos no Horto

O complexo do Horto Florestal, em Belo Horizonte (MG), possui uma área de 375 m², específica para armazenagem de produtos químicos e inflamáveis. Esse espaço foi completamente readequado e entregue à equipe de Logística de Materiais no último dia 31, depois de passar por uma obra de cinco meses de duração, em que foram investidos R$ 690 mil.

“A obra contemplou um escopo grande, de adequação total da área, para que os produtos inflamáveis e químicos possam ser armazenados corretamente, conforme as normas estabelecidas. O piso foi impermeabilizado, o pé direito do espaço, ajustado, foi instalada cobertura e tratados os pontos de infiltração identificados na edificação. O espaço está novo e oferecendo toda a segurança necessária à equipe que trabalha no local”, explica a especialista em Segurança Operacional Aline Zamperlim.

A obra faz parte de um plano de investimento contínuo para o complexo de oficinas do Horto Florestal, sistema fundamental para a manutenção de material rodante da MRS.

“Reforçarmos, ano após ano, a parceria com a equipe de SMA para desenvolvimento de soluções conjuntas que nos mantêm adequados às normas. Essa sinergia propicia a consolidação de ações prioritárias que trazem um olhar corporativo e solidifica uma matriz de sustentabilidade pautada em requisitos técnicos”, destaca o gerente geral de Serviços, Danio Soccol.

Para o especialista em Infraestrutura de Instalações Denis Silva, o projeto fruto de parceria reforça o compromisso com a segurança e com o meio ambiente na MRS.

“Durante a execução de uma obra, nos deparamos com muitos desafios. Trabalhar intensamente com os objetivos de trazer produtividade e satisfação ao cliente na entrega de uma obra, esse é nosso propósito”, pontua Silva.

Dia a dia

Entre os produtos armazenados e disponibilizados para toda a MRS, principalmente, para a própria planta do Horto, estão, por exemplo, lubrificantes, tintas, graxa, EPLs e solventes. Segundo o coordenador de Logística de Materiais da unidade, Rafael Garrucho, a obra de adequação trouxe ganhos significativos para a equipe.

“Esse tipo de adequação é sempre bom para a equipe, o retorno é imediato. Ter o ambiente de trabalho renovado dessa forma, com as devidas sinalizações e pintura nova é motivador, não há dúvida. O ambiente fica, inclusive, mais acolhedor, seguro e nos motiva ainda mais a trabalhar”, destaca Garrucho. “Os times de SMA e de Infra de Instalações entenderam perfeitamente nossa necessidade e nos proporcionaram um espaço que possibilita aumento de produtividade, por exemplo, a ampliação do espaço de armazenagem, um dos exemplos de melhoria”, complementa.

Por MRS