Sinalização garante mais segurança na Ferrovia do Aço

Foi concluído, na semana passada, o processo de instalação de três caixas de locação na Ferrovia do Aço. Uma equipe formada por seis colaboradores da Coordenação de Manutenção Eletroeletrônica da região instalou o último equipamento no dia 31 de março, no Tunelão (túnel de quase nove quilômetros, localizado entre os pátios P2-07 e o P2-06.

Caixa de locação – ou “house” – é uma estrutura que comporta os equipamentos de sinalização no campo. Sua função é comportar e proteger materiais, como cabos de sinalização e de outros sistemas, por exemplo, de telecomunicações.

“O objetivo principal foi garantir a confiabilidade dos equipamentos de sinalização para a operação ferroviária, evitando falhas prematuras nos sistemas e garantindo o fluxo dos trens na Ferrovia do Aço.  Houve, também, melhoria nas condições de trabalho das equipes de manutenção, pois a caixa foi instalada com luminárias internas e holofote para iluminação do ambiente, já que não há luz natural”, completa o coordenador de Manutenção da Malha André Ramos.

A idéia surgiu depois que antigo o sistema de sinalização GEC foi substituído pelo CBTC, quando a equipe identificou excesso de equipamentos em uma única locação. Além do mais, por ser em um túnel, o espaço já é extremamente confinado, o que impossibilitou a instalação de uma house, ou locação, maior.

“Identificamos a possibilidade de instalar uma caixa menor, chamada 101 (largura de 101 cm), para distribuir melhor os equipamentos, separando os de sinalização dos de telecomunicações”, explica Ramos.

O coordenador ainda destaca a sinergia entre os colaboradores da própria área, que redistribuíram suas atividades para liberar a equipe dedicada à atividade, e entre áreas de interface, como Via Permanente de Bom Jardim e Eletroeletrônica de Benfica.

Por MRS